Icon Icon Segue o meu Pinterest Icon

Mudei de Página

A todos as pessoas que, por alguma razão chegarem a este blog, devo dizer que estou noutra fase e deixei definitivamente de postar aqui.

A partir de agora estarei centralizado no desenvolvimento de trabalhos de índole profissional e por isso irei eliminar alguns dos meus blogs, sem engajamento e manter outros como acervo.

Este ficará online mas sem atualizações.

Acedam ao meu novo site ou ao meu novo blog.

Código Fonte

Alguns sites bloqueiam o botão direito do rato e impedem a utilização deste para realizar determinadas tarefas. Uma delas é ter acesso à opção que permite ver o código fonte da página.

Para evitar que tenhamos que utilizar a opção de bloquear o JAVA no site sugiro uma opção bem mais simples.

Passo a explicar, passo a passo, uma alternativa para Google Chrome:

➊ Entrem no site normalmente;
➋ Abram uma nova aba;
➌ Voltem à aba onde têm o site aberto e copiem o url do site;
➍ De regresso à nova aba já aberta, escrevam «view-source:» seguido do url copiado e tecla em enter para executar o comando (ex. view-source:http://site.com).

Espero que tenham gostado da dica.

Orkut acabou mas…

Voltando aqui rapidinho…

Como (in)felizmente tenho andado um pouco ocupado a minha vida de bloguista pouco ou nada tem existido.

Estou numa de mudar de vida e a minha sede de escrever está guardada. Aguardem. Porém hoje vim aqui rapidinho só para falar do fim do Orkut e do que ele tem provocado.

Este acontecimento acontecimento levou-me a escrever sobre a quantidade de redes sociais que têm surgido à conta desta morte. Em poucos dias conheci duas delas – a Orkuti e a SocialDub.

O problema que eu vejo nestas duas redes sociais tem que ver com o seguinte. A primeira tem um aspeto gráfico sem qualidade mas tem um funcionamento atraente com a implementação de coisas que fazem parte da nova era das redes sociais como username, hashtags, depoimentos e recados que podem ser privados, para além de um nome/domínio vencedor. Já a segunda, como já fiz questão de salientar lá, tem quase tudo para dar certo mas falta-lhe um nome atrativo, uma marca vencedora e isso esta rede não tem.

Eu gostava de ver os seus criadores a juntarem-se num único projeto de forma a trazerem a SocialDub com o domínio da Orkuti e passar a trabalhar para unificarem as duas plataformas.

Espero que não surjam ainda mais redes sociais por causa do fim do Orkut mas, acreditem numa coisa, não é com a fragmentação das redes sociais que as pessoas saem a ganhar. As pessoas só saem a ganhar com redes sociais com funcionalidades diferentes ou melhoradas.

Colocar funcionalidades de algo que já existiu só porque sim, acreditem no que vos digo, é melhor não o fazer.

Carateres especiais para comentários nas Redes Sociais

Como à uns tempos atrás, numa das respostas a um dos meus comentários num grupo do Facebook, me perguntaram como é que eu fazia para colocar as setas e os outros símbolos lá nos comentários que me permite destacar melhor as minhas posições lá resolvi, então, partilhar um pouco do que sei para que isso possa facilitar os outros.

Assim só terão que ter o trabalho de copiar e colar.

Então aqui vão alguns dos que mais gosto de utilizar:

SETAS ➘ ➙ ➚ ➜ ➝ ➞ ➟ ➠ ➡ ➢ ➣ ➤ ➳ ➴ ➵ ➶ ➷ ➸ ➹ ➽

SETAS DIRECIONAIS ▲ ▴ ▼ ▾ ► ▶ ◄ ◀ ⇠ ⇡ ⇢ ⇣ ⇤ ⇥ ⇦ ⇧ ⇨ ⇩

SETAS INDICATIVAS ↰ ↱ ↲ ↳ ↴ ↵ ↶ ↷ ← ↑ → ↓ ↔ ↕ ↖ ↗ ↘ ↙

SETAS DUPLAS ⇄ ⇅ ⇆ ⇇ ⇈ ⇉ ⇊

NÚMEROS ➊ ➋ ➌ ➍ ➎ ➏ ➐ ➑ ➒ ➓ ➀ ➁ ➂ ➃ ➄ ➅ ➆ ➇ ➈ ➉

① ② ③ ④ ⑤ ⑥ ⑦ ⑧ ⑨ ⑩ ⑪ ⑫ ⑬ ⑭ ⑮ ⑯ ⑰ ⑱ ⑲ ⑳

LETRAS Ⓐ Ⓑ Ⓒ Ⓓ Ⓔ Ⓕ Ⓖ Ⓗ Ⓘ Ⓙ Ⓚ Ⓛ Ⓜ Ⓝ Ⓞ Ⓟ Ⓠ Ⓡ Ⓢ Ⓣ Ⓤ Ⓥ Ⓦ Ⓧ Ⓨ Ⓩ

ESTRELAS ✡ ✦ ✧ ✩ ✪ ✫ ✬ ✭ ✮ ✯ ✰

SIGNOS ♈ ♉ ♊ ♋ ♌ ♍ ♎ ♏ ♐ ♑ ♒ ♓

ASPAS ❛ ❜ ❝ ❞

NAIPES ♣ ♤ ♥ ♦

DIVERSAS ☑ ☒ ♂ ♀ ☠ ☢ ☣ ☤ ☥ ☦ ☧ ☨ ☩ ☪ ☫ ☬ ☭ ☮ ☯

Deficiências do Google+

Infelizmente o Google+, com os círculos e com a junção dos Contactos Google com os Contactos do Google+, acabou criando algo bastante pesado.

A independência da rede social Google+ da plataforma de email Gmail é algo que não existe e seria muito útil. Tem lógica que os contactos que eu adiciono no Google Contactos faça referência ao perfil do Google+ mas não tem lógica que os contactos não adicionados por mim no Google Contactos passem a fazer parte deste só porque os segui no Google+. Se eu seguir um contacto no Facebook, isso não faz com que esses perfis surjam na área dos contactos. Surgem na área de seguidores.

Acredito que a rede social Google+ perde muito com a forma em como implementou o Seguir, nomeadamente através dos círculos. Já escrevi em tempos que, para mim, os círculos não deveriam ser a organização principal dos contactos do G+ mas sim uma organização secundária.

A opção de Seguir surgiria apenas por um botão Seguir. Depois ao clicar nesse botão o perfil, página ou empresa seria associado a um conjunto de perfis, páginas e empresas já seguidas. Outra alteração seria a mudança do paradigma seguir, removendo o limite de Seguir, permitindo que seguíssemos a quantidade de perfis, páginas ou empresas pretendidas. A única diferença é que, para evitar SPAM, não poderíamos mencionar um perfil sem que, após a sua primeira menção, esta possibilidade tenha sido autorizada.

Por si só, no Google+, deveríamos ter acesso à área de Contactos que estaria dividida em 3 – «Perfis», «Páginas» e «Empresas»; em cada uma destas secções teríamos, ainda, a divisão em 3 subsecções que seriam «Seguidos», «Seguem-me» e «A Seguir». A especificidade de colocar uma secção designada de «Empresas» nos contactos traria uma funcionalidade diferente ao Google+. Permitiria que, ao seguirmos as ditas Empresas passássemos a ter acesso a uma informação privilegiada, bem como, através de mensagem interna, houvesse a possibilidade dos seus responsáveis contactar os seus seguidores oferecendo-lhes promoções, entre outras situações (pedido de resposta a inquéritos, por exemplo).

Noutro ponto do universo Google+ surgiria o Círculos que seria uma área onde surgiriam outra vez as 3 secções (Perfis, Páginas e Empresas) onde, ao entrarmos em cada uma destas teríamos acesso a uma área de organização dos Seguidores. Esta organização seria realizada através dum misto de pastas e tags, ou seja, cada contacto seria organizado numa lista de pastas porém a este contacto poderia ser associado um ou vários temas de pesquisa (tags). Assim, o utilizador poderia colocar no nome da pasta indicando o âmbito de relação com o contacto (se foi numa escola seria colocado o termo Escola) depois na subpasta o nome a dar seria algo mais identificativo (no exemplo da escola, o nome da subpasta seria o nome da escola); ainda dentro deste perfil poderia associar-se algumas tags (dentro do exemplo associado à escola poderiam surgir tags como professor, matemática e 9ano).

Para utilizar a partilha restrita do Google+ poderiam ser utilizados como círculos as pastas, as subpastas e as tags porém com um limite máximo de notificações. Apenas seriam notificados das partilhas partilhadas com mais de de 50 pessoas, aqueles que tenham autorizado a notificação em massa, evitando assim o SPAM.